Paulo Afonso-BA, 11/08/2022
logo-275x210

Prédio da UNIVASF Paulo Afonso será entregue em abril deste ano

Por Agência de Notícias RBN

Postado por:

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on google
Share on twitter

Por AC Zuca

Em Paulo Afonso, a construção da Universidade Federal do Vale do São Francisco ( UNIVASF)  entra na fase de conclusão da sua infraestrutura.  Segundo o gerente responsável pela obra Maurício Amaro, a obra iniciada em novembro de 2017 tinha previsão de estar concluída em agosto de 2018, todavia, alguns imprevistos que culminaram com a inclusão de três aditivos, por conta de modificações inevitáveis, acabaram por estender um pouco mais o cronograma.

De acordo com Maurício nesse momento estamos na etapa de execução das instalações elétricas e hidráulicas e de acabamento do prédio.

O responsável pela obra também revelou que com a conclusão da obra não há mais como manter o mesmo corpo funcional. Ai começa o dilema dos funcionários que começarão a ser gradativamente demitidos.  Conforme Mauricio, essa redução já fazia parte do cronograma e foi ampliada, mas já havia essa previsão. “agora é inevitável em virtude dos nossos serviços estarem se esgotando” destacou. .

O custo da obra do novo campus que tinha previsão orçamentária inicial de 15.486,000, com as alterações sugeridas subiu para 18.500,000, 00 (Dezoito milhões e quinhentos mil reais. A previsão de entrega definitiva do prédio, segundo estimativa de Maurício Amaro é que  até  a segunda quinzena de abril, ele  seja entregue.

No geral, Mauricio Amaro ressaltou que nesses mais de dois anos alguns percalços em função de modificações inevitáveis terminaram por  impactar significativamente no andamento da obra. Contudo, depois de todas essas transformações, a gente chega hoje no estagio final que vai contemplar satisfatoriamente  ao corpo discente e docente já que o prédio de cinco andares, oferece 4 elevadores, dois em cada extremidade, laboratório, salas administrativas, cantina, recepção, enfim,  trata-se de um edifício que se enquadra  no  padrão de qualidade que a população de Paulo Afonso merece, enfatizou Amaro.

Sobre o prédio que fica ao lado da UNIVASf, ele reiterou   que a subestação foi construída no anexo tem  a finalidade de dar suporte a funcionalidade do Campus.

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.