Paulo Afonso-BA, 09/08/2022
logo-275x210

Confira os resultados da rodada da Liga Gospel deste sábado (6)

Por Agência de Notícias RBN

Postado por:

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on google
Share on twitter

Neste último sábado (6), aconteceu mais uma rodada da Liga Gospel de Futsal. Os jogos aconteceram no Ginásio Luiz Eduardo Magalhães.

Na partida entre o Nova Aliança e o time da Reconciliação, Nova Aliança levou a melhor e venceu de 06×01. Ás 20h20, o time da da Assembleia de Deus venceu de 03 x 01 o Shalom.

A Liga Gospel 2019 teve início no último dia 27 de março e tem participação de cristãos de várias denominações. A competição conta com participação de 11 equipes e se estende até o final de abril. O campeonato está sendo realizado pela Prefeitura de Paulo Afonso, através do Departamento de Esportes, em parceria com a Liga Evangélica de Paulo Afonso (LEPA).

Continue lendo….

Gabigol marca, Flamengo segura empate com o Fluminense e garante vaga na final do Carioca

Fonte:  Globo Esporte

Tricolor sai na frente com Gilberto, mas Rubro-Negro empata na etapa final em falha de Rodolfo. Rival na decisão sai do vencedor de Vasco x Bangu

23′ 2º TEMPO
GOL
Gol do Flamengo! Renê acha Gabriel na esquerda, que solta a bomba e empata a partida, aos 23’ do 2ºT

16′ 2º TEMPO
LANCE NORMAL
Sandro Meira Ricci dá razão ao juiz em não marcar o pênalti, aos 16’ do 2ºT

08′ 2º TEMPO
LANCE NORMAL
A bola sobra para Diego dentro da área, mas chute sai desviado, aos 08’ do 2ºT

05′ 2º TEMPO
LANCE IMPORTANTE
Após cruzamento na área, Luciano solta a bomba e Diego Alves espalma, aos 05’ do 2ºT

03′ 2º TEMPO
LANCE IMPORTANTE
Everton Ribeiro deixa Arão na frente do gol, mas volante manda por cima, aos 03’ do 2ºT

01′ 2º TEMPO
LANCE IMPORTANTE
Diego lança Bruno Henrique, que chuta cruzado, mas Rodolfo segura, aos 01’ do 2ºT

44′ 1º TEMPO
GOL
Gol do Fluminense! Caio Henrique encontra Gilberto, que cabeceia para o gol e abre o placar, aos 44’ do 1ºT

43′ 1º TEMPO
LANCE NORMAL
Bruno Henrique limpa a marcação e chuta, mas Uribe não consegue chegar na bola, aos 40’ do 1ºT

23′ 1º TEMPO
LANCE NORMAL
Central do Apito analisa as duas vezes que o VAR foi usado durante o primeiro tempo da partida, aos 23′ do 1ºT

18′ 1º TEMPO
LANCE IMPORTANTE
Everton Ribeiro tenta o passe para Diego, mas defesa tricolor tira perigo, aos 18’ do 1ºT

07′ 1º TEMPO
LANCE IMPORTANTE
Com uso do VAR, juiz anula gol do Flamengo, aos 07′ do 1ºT

PRÉ-JOGO
LANCE NORMAL
Chamada 3º temporada Diego San – redes sociais
Ainda não tem Premiere?
Assista a todos os jogos do seu time e aos principais campeonatos estaduais aqui no Globo Esporte.
assine agora

FINALISTA MERECIDO
O Flamengo fez valer a sua vantagem do empate e garantiu a primeira vaga na decisão do Campeonato Carioca. Em um jogo em que controlou as ações e até merecia a vitória no Maracanã, o Rubro-Negro segurou o empate com o Fluminense por 1 a 1 e carimbou seu passaporte para a final. Gilberto abriu o placar, Gabriel empatou na etapa final. O adversário na luta pelo título estadual sai do confronto entre Vasco e Bangu, que se enfrentam neste domingo.

PRÓXIMOS JOGOS
O Fluminense volta a campo na próxima terça-feira para enfrentar o Luverdense, novamente no Maracanã, pela terceira fase da Copa do Brasil. Já o Flamengo recebe o San José, da Bolívia, na quinta, também no Maracanã, mas pela fase de grupos da Libertadores.

90 minutos
Mesmo sem ganhar o jogo, o Flamengo mereceu a vaga. Foi o time que mais buscou o resultado e melhor se apresentou no Maracanã. Até mesmo no primeiro tempo, quando saiu perdendo, o Rubro-Negro controlou as ações da partida e pressionou o Fluminense. A tática de apertar a marcação na saída de bola deu certo e gerou muitos erros do Tricolor. O time de Fernando Diniz jogou mal pelo terceiro jogo seguido. Só conseguiu equilibrar as ações no início do segundo tempo, quando teve uma boa chance com Luciano. Mas bastou o gol de Gabriel para o Flamengo se impor novamente. Após o empate, o Rubro-Negro praticamente não foi ameaçado.

QUASE HERÓI
Gilberto esteve perto de ser o herói do Fluminense. No primeiro tempo, o camisa 2 foi protagonista de dois lances separados por alguns segundos. No primeiro, impediu o gol de Uribe quase em cima da linha. Na sequência, foi ao ataque e abriu o placar de cabeça.

Entrou e decidiu
Suspenso na Libertadores, Gabriel começou o jogo no banco. Mas viu Uribe se machucar, entrou no intervalo e decidiu a favor do Flamengo. Foi do camisa 9 o gol que garantiu o Rubro-Negro na final do Campeonato Carioca, com direito a beijo em Abel na comemoração.

 

Leia Mais

Em tarde de festa no Beira-Rio, Guerrero marca e Inter vai à final do Gauchão

Guerrero contra o Caxias

Postado por Agência de Notícias RBN \\\\ Portal da RBN Fm 93 , 5

Foi quase impossível encontrar um defeito na tarde deste sábado para a torcida colorada. No aniversário de 50 anos do estádio Beira-Rio, o Inter venceu o Caxias por 2 a 0 e foi à final do Gauchão. O estreante Paolo Guerrero ficou em campo 62 minutos e marcou o primeiro gol da partida e seu primeiro com a camisa vermelha. No segundo tempo, Guilherme Parede fez boa jogada individual e ampliou o placar. Ah, choveu muito em Porto Alegre — o único “quase” em uma tarde perfeita!

Guerrero mata a saudade
“Tinha muito sonho de entrar pelo Inter. Agradeço muito ao Sport Club Internacional por me acolher aqui. Foi um grande passo, chegar à final, mas temos um grande jogo na terça-feira para garanti a classificação na Libertadores. Me senti bem, queria continuar jogando, mas é decisão de treinador. Ele já havia conversado comigo sobre isso. A ansiedade passou. Esses dias foram muito difíceis. Era muita coisa na minha cabeça. Mas passou. Eu vivo para fazer gol.”

 

Segundo tempo
Com 47 segundos, Bruno Alves mostrou que o Caxias queria e faria de tudo para mudar o placar. Ele recebeu dentro da grande área e bateu cruzado, com perigo. Só que, até a segunda chance grená, passaram-se 40 minutos. E, neste ínterim, o Inter ampliou. Não com Sarrafiore, que, aos oito minutos, recebeu sozinho na pequena áre, mas mandou na trave. E sim com Guilherme Parede, que aos 23 recebeu no lado esquerdo, trouxe a bola para a perna direita e fez o segundo tento colorado. Jonatan Alvez ainda perdeu o terceiro, aos 35 minutos, e Léo Jaime, aos 41, errou a bicicleta. Marcelo Lomba ainda fez uma boa intervenção aos 43 para ganhar sua parte no “bicho”. Aos 45 minutos, sem acréscimos, Jean Pierre Lima apitou pela última vez.

 

Guerrero ficou quase nove meses sem jogar. Foram 251 dias longe dos gramados. O último gol foi pela Seleção Periana na Copa do Mundo da Rússia. Com a camisa do Inter, porém, não demorou nada. Com 36 minutos, fez o primeiro gol. E ainda jogou até os 15 minutos do segundo tempo, num total de 62 minutos em campo.

 

Juliano, do Caxias
Capitão na tarde deste sábado, o volante Juliano elogiou o grupo e agradeceu o apoio

Volante Juliano fala após a eliminação no Campeonato Gaúcho diante do Inter
Volante Juliano fala após a eliminação no Campeonato Gaúcho diante do Inter

Guerrero marcou, mas Parede brilhou
Guerrero foi o craque da partida simbolicamente. Pela atuação, ninguém jogou mais do que Guilherme Parede, o autor do segundo gol

 

Caxias é campeão do Interior
Mesmo com a derrota, o Caxias tem um título no Gauchão: é o campeão do Interior 2019 e ganha R$ 300 mil em premiação. Isso porque, se o São Luiz vencer o Grêmio neste domingo, iria para a final, mas perderia o título, conforme as regras da competição. Se o time de Ijuí perder ou empatar com o Grêmio na Arena, terá pontuação inferior ao clube de Caxias. No total, o Grená soma 24 pontos em 15 jogos.

 

Leia Mais

Cruzeiro vence América-MG, outra vez, e avança para a final do Mineiro

Postado por Agência de Notícias RBN \\\\ Portal da RBN Fm 93 , 5

 

                         Cruzeiro vence América-MG, outra vez, e avança para a final do Mineiro

Raposa, que havia vencido o Coelho por 3 a 2 na primeira semifinal, mantém invencibilidade na temporada e vai à decisão

Resumão
Com outra boa atuação, o Cruzeiro venceu o América-MG, por 3 a 0, neste sábado, no Mineirão, e garantiu a classificação para a decisão do Campeonato Mineiro. Os gols foram marcados por Léo e Fred, no primeiro tempo, e rafinha, no fim da segunda etapa. A Raposa havia vencido o primeiro jogo, no Independência, por 3 a 2, e podia até perder por um gol de diferença neste sábado que avançaria até a final.

 

VAR LOGO DE CARA
Logo aos sete minutos, o América chegou ao gol. Mas, o árbitro Leandro Pedro Vuaden foi acionado pela equipe do VAR. Vuaden reviu o lance pelo monitor, anulou o gol por toque de mão de Felipe Azevedo e mostrou cartão amarelo para o atacante do Coelho.

Após uso do VAR, juiz anula gol do América-MG, aos 07′ do 1ºT
Após uso do VAR, juiz anula gol do América-MG, aos 07′ do 1ºT

LÉO NA REDE!
No dia em que disputou o jogo de número 350 pelo Cruzeiro, o zagueiro Léo foi à rede. Aos 14 minutos, ele aproveitou cruzamento de Lucas Silva e, de cabeça, abriu o placar.

Gol do Cruzeiro! Lucas Silva cruza e Léo abre o placar, aos 14′ do 1ºT

ELE É ARTILHEIRO ELE!
Cinco minutos depois, aos 19, Edilson tomou a bola de Marcelo Toscano, avançou e cruzou para Fred, de cabeça, marcar. Foi o 11º gol dele no Campeonato Mineiro, artilheiro isolado, com três gols a mais que Alerrandro, do Atlético-MG.

Gol do Cruzeiro! Edilson cruza e Fred desvia de cabeça, aos 19′ do 1ºT

PANORAMA
Finalista do Campeonato Mineiro, o Cruzeiro aguarda para saber quem será o adversário. Neste domingo, Atlético-MG e Bos Esporte se enfrentam no Mineirão. O jogo de ida, em Varginha, terminou com empate em 0 a 0. O time atleticano se classifica com um empate neste domingo.

AGENDA
O Cruzeiro volta a campo na quarta-feira, quando enfrenta o Huracán-ARG, às 19h15 (de Brasília), no Mineirão, pela quarta rodada do Grupo B da Copa Libertadores. A Raposa lidera a chave com 9 pontos. Já o América-MG só volta a atuar no dia 26, quando visita o Operário-PR, na abertura da Série B do Brasileiro.

RECORDE DE PÚBLICO EM MINAS!
51.525 torcedores – maior número de espectadores no futebol mineiro este ano. O público no clássico contra o América-MG superou os 46.924 torcedores presentes na vitória do Atlético-MG sobre o Tupynambás, também pelo Estadual. A renda do jogo com entre Cruzeiro e América-MG foi de pouco mais de R$ 602 mil. O maior público do Cruzeiro neste ano havia sido no clássico contra o Atlético-MG, no primeiro turno do Campeonato Mineiro. Na ocasião, 43.354 torcedores estiveram no Mineirão.

 

Fonte Globo Esporte

 

 

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.