Paulo Afonso-BA, 09/08/2022
logo-275x210

STF informa os próximos a serem julgados e Mario Negromonte fica fora por enquanto.

Por Agência de Notícias RBN

Postado por:

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on google
Share on twitter
Postado por Agência de Notícias RBN   \\\\    Portal da RBN  FM   93 ,  5
  
Ex-ministro das Cidades e atuando no Tribunal de Contas dos Municipios da Bahia, Mario Negromonte aguarda STF marcar seu julgamento.

No último balanço que fez da Lava Jato, Edson Fachin informou que pretende levar a julgamento, até o fim do primeiro semestre, três ações penais na Segunda Turma do STF.

A surpresa fica por conta do ex-ministro Mario Negromonte (PP-BA) que  tendo processo mais antigo ficou fora por enquanto. Atualmente atuando no tribunal de contas dos municípios aonde foi afastado e retornou sob efeito de liminar, o mesmo é réu e aguarda julgamento, analistas apostam que o mesmo só deverá ser julgado em 2020.

A mais notória é a dos irmãos Geddel e Lúcio Vieira Lima (MDB-BA), ambos acusados de lavagem de dinheiro e associação criminosa no caso dos R$ 51 milhões em espécie encontrados num apartamento em Salvador em 2017.

Também está previsto o julgamento do ex-senador Valdir Raupp (MDB-RO), acusado de receber propina de R$ 500 mil da Queiroz Galvão em 2010, em troca de contratos da construtora na Petrobras.

Outro que pode ser logo condenado é o ex-deputado Aníbal Gomes (DEM-CE), acusado de, em 2008, receber propina de R$ 3 milhões de um escritório de advocacia por facilitar um acordo salarial da Petrobras com profissionais de praticagem, que fazem auxílio à navegação.

 

Fonte: O Antagonista/Diariod4noticias

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.