Paulo Afonso-BA, 11/08/2022
logo-275x210

Secretário de Agricultura e Aquicultura fala sobre a implantação do Serviço de Inspeção Municipal em Paulo Afonso

Por Agência de Notícias RBN

Postado por:

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on google
Share on twitter

A Prefeitura Municipal de Paulo Afonso vai criar o Serviço de Inspeção Municipal (S.I.M), que será vinculado à Secretaria Municipal de Agricultura e Aquicultura, e é responsável pela inspeção e fiscalização da produção industrial e sanitária dos produtos de origem animal, comestíveis e não comestíveis, adicionados ou não de produtos vegetais, preparados, transformados, manipulados, recebidos, acondicionados, depositados e em trânsito no município.

Em conversa com o repórter AC Zuca da RBN FM, o Secretário de Agricultura e Aquicultura, Jandirson Campos, destacou que o serviço vai levar um celo de qualidade aos produtos do homem do campo e assim atestar sua qualidade para que ocorra a venda.

“O selo de inspeção municipal que é um serviço de inspeção municipal, porque existe o serviço de inspeção estadual e o federal, o nosso é o Serviço de Inspeção Municipal, ou seja, é um serviço que a gente vai padronizar quem produz queijos, manteiga, derivados de leite, de carne, ovos, pescado e mel, a parti disso ai a gente vai da legalidade aquele produtor ou aquele frigorifico até um serviço de inspeção, ou seja, ele vai legalizar o seu produto e o consumir vai saber que aquele produto é de segurança alimentar. É um serviço de inspeção municipal que já foi votado na Câmara, precisamos agora regularizar através do prefeito, nós vamos colocar todos os serviços que vai ser feito em ovos, peixe, padronizar a sala de corte, por exemplo, de carneiro, de suíno, então você passa a ter um selo de inspeção municipal, onde você vai ter na escola, no presidio, no exército, na PM, a parti daí a gente passa a ter uma segurança alimentar dos produtos do homem do campo, eu estou mais focado no homem do campo, na agricultura familiar, porque a parti do momento que eu certifico aquele produtor que ele vende ovos, ele vai entregar ovos na escola, ovos qualificados, inspecionados pelo veterinário da prefeitura municipal e fazendo com que a gente, o homem do campo tenha sua produção e um recurso financeiro mais adequado. Para se ter uma ideia o governo federal paga R$ 9 Mil reais, se eu não estou enganado, paga isso por ano para cada agricultor, então se ele tiver ovos, vai ser R$ 9 Mil por ano, então é um cliente que ele já está certo de ter como comprador. Agora vem os tramites finais, temos que fazer a regularização de cada produto”, destacou Jandirson.

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.